Orquestra de Câmara Portuguesa – Serenata – CCB

6 de dezembro de 2020 | 17H00 | Pequeno Auditório – Centro Cultural de Belém

«A partir de duas obras extraordinárias e contrastantes — a Serenata de Tchaikovsky e a Battalia de Biber — a Orquestra de Câmara Portuguesa mergulha no universo intimista de Charles Ives e John Cage, num concerto encenado por Teresa Simas. Serenata. Sereno. Uma pergunta sem resposta: a obra misteriosa de Charles Ives (1874-1954), uma tapeçaria cósmica em forma de som. Serenar. Uma série de harmonias, música reconstruída por John Cage (1912-1992) a partir de hinos de compositores contemporâneos da Revolução Americana de 1776. Claro. Limpo. Heinrich Biber descreve vários quadros em mote surrealista, numa explosão de cor, ímpeto, criatividade e imaginação. Pacificar, tranquilizar. Com a sua imaginação arrebatadora, Tchaikovsky encerra as páginas da sua serenata com uma reminiscência do seu início — lembramo-nos da obra mistério de Charles Ives: uma resposta ao ruído incessante criado pela humanidade, o silêncio?» — Pedro Carneiro


Programa

The Unanswered Question, Charles Ives
44 Harmonies From Apartment House 1776 (excertos), John Cage
Battalia à 10, Heinrich Biber
Serenata para Cordas, op. 48, Tchaikovsky


Ficha técnica

Direção Artística – Pedro Carneiro
Direção Executiva – Alexandre Dias
Diretora de Projetos e Inovação e Encenação – Teresa Simas
Consultor – José Augusto Carneiro
Produção – Madalena Branco, Gabriel Lapas
Gestor de Comunidade – André Butler
Fotografia – Bruno Vicente


Bilhetes

https://ticketline.sapo.pt/evento/orq-de-camara-portuguesa-serenata-51999


Apoio

República Portuguesa – Cultura / Direção-Geral das Artes